20 março 2018

Lollapalooza dicas

O Lollapalooza Brasil 2018 está chegando! E esse ano o festival fica ainda maior contando com mais um dia de festa e vai ocorrer no Autódromo de Interlagos nos dias 23, 24 e 25 de março!

Eu fui na edição do ano passado e simplesmente amei! E como antes de ir tinha muitas dúvidas resolvi fazer um post explicando o festival e contando um pouco da minha experiência.

Esse ano irei novamente, porém foi o maior dilema decidir em ir nos três dias ou escolher um. Como não valia a pena comprar dois dias individuais, no caso dois Lolla Day e o ideal seria comprar o Lolla Pass, que da direito aos três dias, acabei decidindo ir somente um dia. Primeiro que não sou fã das bandas do domingo e segundo ando um pouco velha e fico cansada demais em ir três dias seguidos para um festival. Bom, espero não me arrepender da minha escolha. Mas de qualquer forma Lollapalooza tem todo ano né. Então quem sabe próximo ano vem alguma banda que sou fã e vou novamente.

Lollapalooza dicas 02

COMO CHEGAR:

  • CPTM – Trem: Estação Autódromo, linha 9-Esmeralda.  A depender do seu ponto de partida vai precisar pegar metrô também. Ano passado fiquei perto da Avenida Paulista e foi bem tranquilo para ir e voltar. Saindo da estação se caminha um bocadinho até a entrada do Lolla (não marquei o tempo mas acho que caminhei uns 15 a 20 minutos) mas o caminho é super tranquilo e sinalizado.
  • Taxi/Uber: Da para utilizar os aplicativos de transporte mas é uma opção mais cara e creio que mais demorada.
  • Lolla Transfer: É o transporte oficial do evento. Custa 100 reais (ida e volta) por dia e esse ano está saindo de dois locais: Hotel Hilton Morumbi (Av. das Nações Unidas, 12901 – Brooklin Paulista, São Paulo) e Hotel Transamérica Higienópolis (Rua Alagoas, 974 – Higienópolis, São Paulo). Na hora da compra do transfer você já escolhe de onde vai sair e o horário.
  • Carro: Da pra ir de carro e estacionar dentro do Autódromo, o valor do estacionamento custa 120,00 reais por dia.

ALIMENTAÇÃO:

Acho o Lolla bem servido de comida. Tem para todos os gostos! Esse ano vai ter o Chef’Stage, uma área com vários chefs renomados, Food Trucks e o Sabores do Mundo. Os preços são variados e infelizmente um pouco salgadinho. Os valores ainda não sairam esse ano mas é bom ficar de olho.

A melhor comida que comi no ano passado foi de um food truck mas que infelizmente não anotei o nome, nem tirei uma foto sequer do lanche. Tava tão gostoso e com um preço ok que quando fui comprar mais tinha simplesmente acabado! Então não deixe pra comer muito tarde. E infelizmente tudo que é bom tem fila né. O único lugar que não peguei fila foi no Chef’Stage mas a comida nem tava tão boa assim.

LOLLA CASHLESS:

Desde 2017 foi introduzido o sistema de pulseiras Cashless, ou seja, uma pulseira que é seu ingresso e seu dinheiro. É com ela que você entra no festival e ainda compra comidas, bebidas e os produtos oficiais. E ainda vira uma ótima lembracinha do festival.

Ao receber sua pulseira você deve cadastra-la e colocar créditos para comprar o que quiser. Lá no Lolla tem alguns lugares que você pode carregar a pulseira mas é bem mais cômodo já fazer isso de casa, sem enfrentar fila. Ah! E se sobrar dinheiro é só pedir o reembolso ao final do festival.

Ano passado a minha pulseira funcionou tranquilamente e recebi meu dinheiro de volta sem transtornos. Lembrando que só deixe pra colocar a pulseira no braço no dia do festival. Depois que ela trava não da mais pra tirar!

O QUE LEVAR/O QUE NÃO LEVAR:

É muito importante levar capa de chuva pois em São Paulo o tempo pode virar do nada! Ano passado choveu no domingo e mesmo odiando usar capa de chuva achei melhor do que ficar toda encharcada. Levar uma canga para sentar no chão também é legal.

Além disso se você for chegar cedo é importante levar protetor solar, chapéu ou boné e água mineral em copo. Além de um lanchinho ou barra de cereal. Lembrando que se for levar um lanche tem que ser pouca coisa e em embalagem tipo ziplok.

Alguns itens não entram como bastão para tirar foto, garrafa, lata, embalagem rígida, câmeras fotográficas ou filmadoras profissionais ou com lente destacável. Cartazes feitos com papelão grosso e/ou fixados a madeiras, dentre outros itens. Mais perto o festival coloca a lista completinha.

E sim! Eles revistam as bolsas e mochilas, então é melhor nem levar! Ahhh! Entrei tranquilamente com meu carregador portátil de bateria pro celular.

Ahhhh! E não esquecer dos documentos pessoais e carteirinha de estudante caso tenha comprado meia entrada. Ano passado comprei meia pois estava cursando Design de Moda, entrei e ninguém me pediu comprovante massss é melhor garantir do que ser barrado na porta né?!

QUAL ROUPA USAR:

O Autódromo é muito grande! E creio que você vai querer dar uma olhadinha em todo o espaço e em todos os palcos, então vá com roupa e sapatos confortáveis! Nada de salto!

Ano passado fez muito calor durante o dia e frio pela noite. Só que o frio é bem relativo de pessoa para pessoa né?! Eu passei frio no domingo mas vi gente de shortinho andando tranquilamente! hehehe… Então acho que não custa nada levar um casaquinho ou uma camisa mais grossinha. Vá com uma mochilinha ou uma bolsa leve. Pochete também é uma boa ideia, caso você não queira levar muita coisa.

Óculos escuros são indispensáveis!!! O sol é bem forte! E se der leve chapéu ou boné! Ano passado postei meus looks aqui no blog! É só jogar na busca que acha fácil. Prezei pelo conforto e não me arrependi.

Eu tenho uma pasta no Pinterest com muitas inspirações de looks para festival! Para dar uma olhadinha é só clicar aqui.

MAPA DO FESTIVAL:

Lollapalooza dicas 03

No mais não deixe para chegar muito perto da hora do show que você quer ver. O Autódromo é um espaço enorme e pode demorar um pouco até você chegar ao palco que deseja. E os shows são bem pontuais. Então se você atrasar pode ter certeza de que vai perder.

Os palcos tem uma distância considerável entre eles. Mas não se preocupe com o mapa do local pois eles entregam na entrada, inclusive com o horário dos shows. Guarde para poder se situar e encontrar tudo que deseja lá dentro.

É bom ficar de olho na hora da volta se você for voltar de trem/metrô. Os shows sempre acabam antes do metrô fechar mas é bom não dar bobeira. Ano passado a volta foi bem tranquila e mesmo tendo MUITA gente voltando ao mesmo tempo não demorei quase nada para pegar o trem quando cheguei na estação e além disso, achei tudo muito organizado. Só não deixe para comprar o bilhete da volta quando estiver voltando pra não pegar fila. Na ida compre logo tudo!

Acho que bem no geral essas são as dicas básicas pro Lollapalooza!!! Eu tô bem animada pra ver o show do Pearl Jam!!! E vocês, querem ver qual show?!

Lollapalooza dicas 01

Lollapalooza dicas

O Lollapalooza Brasil 2018 está chegando! E esse ano o festival fica ainda maior contando com mais um dia de festa e vai ocorrer no Autódromo de Interlagos nos dias 23, 24 e 25 de março!

Eu fui na edição do ano passado e simplesmente amei! E como antes de ir tinha muitas dúvidas resolvi fazer um post explicando o festival e contando um pouco da minha experiência.

Esse ano irei novamente, porém foi o maior dilema decidir em ir nos três dias ou escolher um. Como não valia a pena comprar dois dias individuais, no caso dois Lolla Day e o ideal seria comprar o Lolla Pass, que da direito aos três dias, acabei decidindo ir somente um dia. Primeiro que não sou fã das bandas do domingo e segundo ando um pouco velha e fico cansada demais em ir três dias seguidos para um festival. Bom, espero não me arrepender da minha escolha. Mas de qualquer forma Lollapalooza tem todo ano né. Então quem sabe próximo ano vem alguma banda que sou fã e vou novamente.

Lollapalooza dicas 02

COMO CHEGAR:

  • CPTM – Trem: Estação Autódromo, linha 9-Esmeralda.  A depender do seu ponto de partida vai precisar pegar metrô também. Ano passado fiquei perto da Avenida Paulista e foi bem tranquilo para ir e voltar. Saindo da estação se caminha um bocadinho até a entrada do Lolla (não marquei o tempo mas acho que caminhei uns 15 a 20 minutos) mas o caminho é super tranquilo e sinalizado.
  • Taxi/Uber: Da para utilizar os aplicativos de transporte mas é uma opção mais cara e creio que mais demorada.
  • Lolla Transfer: É o transporte oficial do evento. Custa 100 reais (ida e volta) por dia e esse ano está saindo de dois locais: Hotel Hilton Morumbi (Av. das Nações Unidas, 12901 – Brooklin Paulista, São Paulo) e Hotel Transamérica Higienópolis (Rua Alagoas, 974 – Higienópolis, São Paulo). Na hora da compra do transfer você já escolhe de onde vai sair e o horário.
  • Carro: Da pra ir de carro e estacionar dentro do Autódromo, o valor do estacionamento custa 120,00 reais por dia.

ALIMENTAÇÃO:

Acho o Lolla bem servido de comida. Tem para todos os gostos! Esse ano vai ter o Chef’Stage, uma área com vários chefs renomados, Food Trucks e o Sabores do Mundo. Os preços são variados e infelizmente um pouco salgadinho. Os valores ainda não sairam esse ano mas é bom ficar de olho.

A melhor comida que comi no ano passado foi de um food truck mas que infelizmente não anotei o nome, nem tirei uma foto sequer do lanche. Tava tão gostoso e com um preço ok que quando fui comprar mais tinha simplesmente acabado! Então não deixe pra comer muito tarde. E infelizmente tudo que é bom tem fila né. O único lugar que não peguei fila foi no Chef’Stage mas a comida nem tava tão boa assim.

LOLLA CASHLESS:

Desde 2017 foi introduzido o sistema de pulseiras Cashless, ou seja, uma pulseira que é seu ingresso e seu dinheiro. É com ela que você entra no festival e ainda compra comidas, bebidas e os produtos oficiais. E ainda vira uma ótima lembracinha do festival.

Ao receber sua pulseira você deve cadastra-la e colocar créditos para comprar o que quiser. Lá no Lolla tem alguns lugares que você pode carregar a pulseira mas é bem mais cômodo já fazer isso de casa, sem enfrentar fila. Ah! E se sobrar dinheiro é só pedir o reembolso ao final do festival.

Ano passado a minha pulseira funcionou tranquilamente e recebi meu dinheiro de volta sem transtornos. Lembrando que só deixe pra colocar a pulseira no braço no dia do festival. Depois que ela trava não da mais pra tirar!

O QUE LEVAR/O QUE NÃO LEVAR:

É muito importante levar capa de chuva pois em São Paulo o tempo pode virar do nada! Ano passado choveu no domingo e mesmo odiando usar capa de chuva achei melhor do que ficar toda encharcada. Levar uma canga para sentar no chão também é legal.

Além disso se você for chegar cedo é importante levar protetor solar, chapéu ou boné e água mineral em copo. Além de um lanchinho ou barra de cereal. Lembrando que se for levar um lanche tem que ser pouca coisa e em embalagem tipo ziplok.

Alguns itens não entram como bastão para tirar foto, garrafa, lata, embalagem rígida, câmeras fotográficas ou filmadoras profissionais ou com lente destacável. Cartazes feitos com papelão grosso e/ou fixados a madeiras, dentre outros itens. Mais perto o festival coloca a lista completinha.

E sim! Eles revistam as bolsas e mochilas, então é melhor nem levar! Ahhh! Entrei tranquilamente com meu carregador portátil de bateria pro celular.

Ahhhh! E não esquecer dos documentos pessoais e carteirinha de estudante caso tenha comprado meia entrada. Ano passado comprei meia pois estava cursando Design de Moda, entrei e ninguém me pediu comprovante massss é melhor garantir do que ser barrado na porta né?!

QUAL ROUPA USAR:

O Autódromo é muito grande! E creio que você vai querer dar uma olhadinha em todo o espaço e em todos os palcos, então vá com roupa e sapatos confortáveis! Nada de salto!

Ano passado fez muito calor durante o dia e frio pela noite. Só que o frio é bem relativo de pessoa para pessoa né?! Eu passei frio no domingo mas vi gente de shortinho andando tranquilamente! hehehe… Então acho que não custa nada levar um casaquinho ou uma camisa mais grossinha. Vá com uma mochilinha ou uma bolsa leve. Pochete também é uma boa ideia, caso você não queira levar muita coisa.

Óculos escuros são indispensáveis!!! O sol é bem forte! E se der leve chapéu ou boné! Ano passado postei meus looks aqui no blog! É só jogar na busca que acha fácil. Prezei pelo conforto e não me arrependi.

Eu tenho uma pasta no Pinterest com muitas inspirações de looks para festival! Para dar uma olhadinha é só clicar aqui.

MAPA DO FESTIVAL:

Lollapalooza dicas 03

No mais não deixe para chegar muito perto da hora do show que você quer ver. O Autódromo é um espaço enorme e pode demorar um pouco até você chegar ao palco que deseja. E os shows são bem pontuais. Então se você atrasar pode ter certeza de que vai perder.

Os palcos tem uma distância considerável entre eles. Mas não se preocupe com o mapa do local pois eles entregam na entrada, inclusive com o horário dos shows. Guarde para poder se situar e encontrar tudo que deseja lá dentro.

É bom ficar de olho na hora da volta se você for voltar de trem/metrô. Os shows sempre acabam antes do metrô fechar mas é bom não dar bobeira. Ano passado a volta foi bem tranquila e mesmo tendo MUITA gente voltando ao mesmo tempo não demorei quase nada para pegar o trem quando cheguei na estação e além disso, achei tudo muito organizado. Só não deixe para comprar o bilhete da volta quando estiver voltando pra não pegar fila. Na ida compre logo tudo!

Acho que bem no geral essas são as dicas básicas pro Lollapalooza!!! Eu tô bem animada pra ver o show do Pearl Jam!!! E vocês, querem ver qual show?!

Lollapalooza dicas 01





Comentários


Kaila Garcia

Um sonho ir para o Lollapalooza, acho tudo mágico! Amei suas dicas. ❤

http://www.kailagarcia.com

Lala Ismerim

É muito legal!
Se organiza que da pra ir.
Beijo

Claudia Hi

Adorei as dicas Lala. Bem que eu gostaria de usá-las, mas esse ano não irei…

Caramba eu não sabia sobre as garrafas plásticas! É sempre bom conferir as regras antes de ir né….

Pearl Jam é demais! Depois conta como foi!

Bjaoo

Lala Ismerim

Sim!!! Não pode entrar garrafa mas copinho entra.
Conto sim! Depois vou fazer post aqui no blog.
Beijo

Wanessa de Almeida

esse festival é tão maravilhoso, nunca fui mais vontade não falta, falta grana mesmo hahaha.
Adorei suas dicas, super úteis e práticas.
Já tô aguardando cliques lindos, pq vc é craque nisso 😉
bj http://www.diadebrilho.com

Lala Ismerim

Esse Lolla anda muito caro Wan! Ta bom de parar de aumentar o valor do ingresso né!
Mas tenho certeza que em breve você vai!
Beijo

Laryssa Machado

Oii Lala, que post completo e super informativo, amei. Nunca fui no Lolla, mas quero muito ir na próxima edição. Aproveite

http://larydilua.com/

Lala Ismerim

Que ótimo Laryssa!
Próximo ano aproveite essas dicas.
Beijo

Camila Faria

Bacana Lala! Depois conta aqui como foi a sua experiência esse ano no festival. \o/

Lala Ismerim

Pode deixar Camila!
Beijo

Livia

confesso que estou um pouco velha pra festival de musica, mas já fui a muitos bem legais, suas dicas estao otimas pra quem vai ao Lola!

http://www.tofucolorido.com.br
http://www.facebook.com/blogtofucolorido

Lala Ismerim

Velha onde?! Hehehehe…
Espero ter coragem pra ir por muitos anos ainda.
Beijo

Fran Oliveira

Meu sonho é ir no Lollapalooza e curti muito, mas deixar pra próxima </3! As dicas são muito boas para quem está indo curtir ao festival, interessante isso das roupas para usar, na minha opinião o conforto é o principal… Espero que você se divirta muuuito <33
Beijos,
http://www.dosedeilusao.com

Lala Ismerim

Obrigada Fran!!!
Beijo

Marcela Miranda

Ah como eu queria ir nesse evento para ver meus bebês: The Killers <3. Ótimas dicas para quem vai <3
Beijo <3

https://lesjoursdemarcela.blogspot.com.br

Nathália // Fashion Jacket

ótimas dicas para quem vai curtir o evento! =) eu não escuto música, logo não vou a shows ou festivais. Mas meu marido sempre vai e esse ano por aqui tá cheio de festivais bacanas agora pro verão.

Beijinhos
n. // http://www.fashionjacket.com.br

Pathy Guarnieri

Eu não vou ao festival, mas se fosse, iria só pelo Pearl Jam e The Killers!
Que dicas ótimas, Lala!

Beijo!
Cores do Vício

Thami Sgalbiero

Acho que, pra gente que não mora em SP, vale a pena pegar um trem e metrô pra ir, porque aproveita pra dar aquela turistada pela cidade ou até mesmo conhecer pessoas dentro desses transportes né? Fora que sai mais barato pra aproveitar mais ainda a visita na cidade. Os preços das comidas é sempre caro nesses festivais, lembro aqui no Rock in Rio, o mais barato era o Cup Noodle, aí você via um monte de gente comendo macarrão instantâneo no meio do gramado, hahahaha! Que legal a pulseira servir até mesmo pra você poder comprar as coisas lá dentro e ainda ter como pedir de volta o dinheiro que sobrou, não sabia dessa. Adorei! O chato é a chuva né? Bom levar tudo em uma mochilinha né? Pra caber tudo bonitinho e não atrapalhar na hora de curtir os shows. Pra mim SP é frio mesmo, então eu iria com o famoso casaquinho amarrado na cintura mesmo, haha! Eu tinha visto o mapa no site, muito grande lá! Vejo as fotos e vídeos das pessoas, só penso nas roupas confortáveis pra poder andar aquilo tudo lá. Eu iria no domingo, porque tem mais artistas que eu curto, mas se eu tivesse dinheiro pra todos os dias, iria em todos, porque em cada um tem artistas bons que eu quero ver. Sexta-feira foi maravilhoso! Assisti pela TV mas querendo ser teletransportada pra lá. Agora to vendo o show do DJ Snake e só querendo estar lá também, hahaha! O significado de tanto faz seria o dia, porque todos eu iria curtir. Aguardando já seu post sobre como foi lá. 😉
Beijos!

Lala Ismerim

Miga SP é frio mesmo. Ainda mais pra a gente que mora na praia mas olha, esse ano fez um calor desgraçado! Kkkkkkk… desejei o frio mas nem veio. Pelo menos não choveu.
Quero dicas do Rock in Rio. Quando fui ainda era no antigo lugar.
Beijo

Carol R.

Admiro e acho legal a ideia do festival, mas não tenho xuventude hahahahha
bjs

Gih

Você sempre nos festivais né miga.
Eu queria muito ter ido, mas adoro que sempre acompanho pelos stories rsrs.
Arrasou no post, kisses.

Lala Ismerim

E eu queria ter ido com mais tempo pra encontrar com as amigas de SP.
Beijo

Gabriela Farias Soares

Post de utilidade pública real, Lala! Eu nunca fui no Lolla, mas imagino que chegando lá deve rolar um bando dessas dúvidas, afinal, o evento é enorme. Isso de ir com roupas e sapatos confortáveis é essencial, né? As pessoas acabam se arrumando demais e chega na metade dos shows e já tão cansadas hahah
Um beijão,
Gabs | likegabs.blogspot.com ♡

Lala Ismerim

Só de entrar no evento já cansa! Imagine se aguenta até o fina do shows! Hehehe…
Beijo


Deixe seu comentário: